orçamento de obra lean

Orçamento de obra e planejamento e controle da produção: como integrar?

Opa, tudo bem?

O assunto de hoje é de extrema importância para melhorar a eficiência na gestão de seus projetos.

INTEGRAÇÃO DA GESTÃO DE CUSTOS COM O PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO (PCP)

Um problema muito comum que observo nas empresas é a maneira que o orçamento da obra é estruturado. Normalmente, os quantitativos dos serviços são apresentados de forma agregada e não por lotes de produção.


Por exemplo, ao invés de apresentar a quantidade de alvenaria (ou outros serviços) por apartamento ou pavimento, a maioria dos orçamentistas ainda entrega o orçamento com o quantitativo total do serviço, ou seja, para o prédio todo.


O problema é que esse quantitativo agregado não ajuda o gestor da obra em seu trabalho, pois é preciso recalcular as quantidades de serviços considerando a maneira que a obra é executada. Na prática, isso significa retrabalho!


Por isso, para combater esse problema, darei algumas dicas para vocês:

1 – Estruture as atividades que serão planejadas na forma de pacotes de trabalho

Nas obras em que presto consultoria, eu sempre oriento as empresas a organizarem suas atividades para a produção na forma de pacotes de trabalho.

Na visão Lean, gerenciar a execução de pacotes de trabalho é melhor do que fazer isso para tarefas isoladas. Destaco os seguintes benefícios:

2 – Faça o planejamento baseado em localização

Procure elaborar o planejamento da obra com base em locais de produção como, por exemplo, pavimento, apartamento, subsolo, térreo, etc.


Para isso, recomendo que utilizem a linha de balanço, pois ela é uma ferramenta de planejamento que representa, de forma bastante visual, os fluxos de produção no tempo (calendário do projeto) e espaço (locais). Assim, conseguimos ver de forma simples e rápida quem faz o quê, onde e quando.

 

linha de balanço lean

3 – Elabore o orçamento com uma visão operacional

Integre a estrutura do orçamento com a maneira que a obra é planejada e executada, pois isso facilitará tanto a programação da produção como o seu controle e a gestão dos custos do projeto.

 

Em resumo, tenha uma visão operacional quando for elaborar o orçamento!

 

Por fim, deixo aqui uma tarefa para vocês:

Observem em suas obras como o orçamento está estruturado e veja se existe uma integração com a forma que a obra foi planejada e será executada, ok?

Tenho certeza que isso vai te ajudar tanto na gestão do processo de PCP como no controle e melhoria do orçamento da obra.

Abraço e até a próxima!

Sergio Kemmer

 

Aprenda Lean Com Quem Entende Do Assunto

Aproveite para garantir sua vaga na nossa lista de espera para os próximos cursos da SK.